Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

This is the Way

Num mundo onde a escuridão reina, vela para que a chama que trazes em ti se mantenha viva. Se ela se apagar, as almas que estão ao teu lado poderão morrer geladas.

This is the Way

Num mundo onde a escuridão reina, vela para que a chama que trazes em ti se mantenha viva. Se ela se apagar, as almas que estão ao teu lado poderão morrer geladas.

Este é o Caminho

Infinitos, 21.11.20

 

 

Como preparar a época de Natal sem stress - Contas Connosco

 

Embrulhava algumas prendas. Já as compara todas. Em cima da mesa a fita-cola, a tesoura e alguns laços. Esquecera-se das pequenas etiquetas identificativas. Nada de grave. Também não gostava de uma bagatela qualquer, autocolante. Este ano não ficariam por identificar.
Costumava projectar durante este labor, o rosto satisfeito de quem as recebia. Desta vez, a única expressão que lhe vinha ao pensamento era incomum. Gostaria de a substituir pela antiga, se possuísse dotes de mágica. 
Este ano não haveriam restos de papel rasgados por toda a casa. Fitas embaraçadas, ainda abraçadas a etiquetas mimosas que alguns gostavam de guardar. Não aconteceria a balbúrdia natural na hora da abertura dos embrulhos, nem a confusão habitual de sacos, na hora da despedia, em que já ninguém sabia ao certo de quem era o quê.

Haveria um silêncio cortado pela voz do pivot das notícias para, entre o desejo de Boas-Festas, derramar mais estatísticas. O ano novo, para o qual se antecipavam tantos desejos. Promessas se faziam entre fogos e brindes, apresentava-se igualmente duro. 

Dispôs os pacotes onde era hábito ficarem. A árvore e os enfeites já os tirara do recolhimento anual, que os onze meses anteriores, lhes dava. Uma semana antes do prazo em que costumava armá-la, planeava decorá-la. Por todo o lado via luzes a despontar aqui e ali, para colmatar a escuridão que teimava engolir o mundo.

Esta  ocasião também costumava ser uma festa na sua casa. Este ano... desse, no que desse, jurou que não seria, diferente! Enfeitá-la-ia com a mesma alegria, por todos aqueles que a não poderiam fazer.